O Design é uma ferramenta do funcional, e isso implica estudo e função. John Maeda diz-nos tudo o que devemos saber.

Uma rubrica por:
Bruno Figueiredo


John Maeda é um dos mais cobiçados gurus tecnológicos da actualidade. Engenheiro de formação, começa a sua carreira nos laboratórios do IMT na década de 90 onde ajudou a desenvolver os primórdios de algumas das evoluções tecnológicas que hoje em dia tomamos como novidades, ou até mesmo garantia, no nosso mundo digital. Desde então, Jhon Maeda especializou-se em design, ocupando actualmente o cargo de Global Head, Computational Design and Inclusion na Automattic, empresa por detrás da tecnologia que suporta grande parte dos websites mundiais, o WordPress, entre outros produtos. É também o responsável por um dos documentos mais importantes do design na industria tecnológica, o “Design in Tech Report”.

Este documento, que podem ver apresentado em cima, é um trabalho que nasceu da vontade de Maeda de conhecer melhor o mercado que o envolve e como o design evoluiu como carreira, conceito e função, em torno da nova e crescente industria tecnológica, e não só. Em cada actualização anual do mesmo, aprendemos muitas curiosidades que nos levam a entender melhora industria do design computacional, assim como o que o mercado tem vindo a desenvolver e como os números se somam em resultados.

É verdade que dados e estatística não são fortes de muitos designers clássicos, mas o mundo do design associado à tecnologia é cada vez mais bombardeado com dados dos utilizadores ou novas tendências visuais e tecnológicas, tendo sempre como objectivo quebrar a próxima barreira tecnológica. É neste ponto que o trabalho que John Maeda e a sua equipa desenvolveram se torna essencial e uma leitura obrigatória para todos os que trabalham no mundo do design associado à tecnologia.

Podem ler o documento completo em designintechreport.wordpress.com

Fala connosco, dá-nos a tua opinião!